Categories
Menucast

Food service no Brasil, com Sérgio Molinari

Se você tem interesse e consome conteúdo sobre o food service, então você já deve ter ouvido falar de Sérgio Molinari. Isso porque o profissional é, hoje, um dos maiores especialistas do setor no Brasil. Ele atua como conselheiro, consultor, pesquisador e palestrante da cadeia de valor da indústria de alimentos na Food Consulting.

Sérgio também tem um canal no Youtube, onde compartilha muitas informações e reflexões sobre este segmento, que cresce acima de 10% ao ano, movimenta mais de R$400 bilhões ao ano no Brasil, reúne mais de 1,5 milhões de empreendedores e emprega mais de seis milhões de pessoas em mais de um milhão de estabelecimentos.

Por isso, ninguém melhor que ele como convidado de um episódio do Menucast dedicado ao mercado de alimentação fora do lar (AFL)

Para Sérgio, decisões baseadas em dados são mais assertivas. Logo, o bate-papo com o nosso CEO Leonardo Almeida foi recheado de números, informações, estimativas, reflexões, comparações e muitos insights.

Impactos da covid-19 no food service

Os impactos da covid-19 e as tendências que vêm surgindo nesse novo cenário foram uma das principais pautas da conversa.

Sobre isso, ele aborda a maior capacidade de redes e franquias de se adaptar às consequências da pandemia e também analisa o futuro do delivery e do take out, em um país em que mais de 60% refeições eram, até então, realizadas no salão do estabelecimento. Uma das apostas de Sérgio, por exemplo, é a proliferação de outras soluções de pedido e de entrega para os próximos anos. 

As dark kitchen, negócios que oferecem apenas comida para viagem e que se tornaram outra tendência do food service, também são citadas no bate-papo. 

Mudanças no comportamento do consumidor

O tema mudanças de comportamento do consumidor também não poderia ficar de fora. Sérgio acredita que, hoje, a confiança virou carimbo de qualquer marca de sucesso.

Para ele, a experiência vem ganhando cada vez mais espaço na tomada de decisão, em detrimento a outros fatores como, por exemplo, o preço. Além disso, os consumidores passaram a dar preferência a empresas que estão indo além dos protocolos de segurança e boas práticas.

Tem, ainda, dicas para quem busca boas fontes de conteúdos relacionados ao food service e muito mais. Então, não dá pra perder

Confira a seguir o bate-papo completo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *